Connect with us

Jundiaí

Bigardi entrega marginal do córrego Walkiria asfaltada

É a primeira obra do Complexo Viário de Jundiaí. Marginal será ligada por viaduto à Osmundo Pelegrini

O prefeito Pedro Bigardi entregou na terça-feira (10) o primeiro trecho da marginal esquerda do Córrego da Walkíria, continuação da avenida Jacyro Martinasso. A obra complementar do Complexo Viário Jundiaí, mais conhecido como Alças da Anhanguera, vai fazer ligação com o viaduto que dará acesso à avenida Osmundo dos Santos Pellegrini, no bairro do Retiro.

“Estamos adiantados em relação ao cronograma das obras do Complexo Jundiaí. O viaduto da avenida Osmundo dos Santos Pellegrini, que compreende a segunda fase do projeto, começa no segundo semestre e já entregamos a primeira obra complementar, que vai ligar a região do Retiro até a avenida Prefeito Luis Latorre pelo viaduto que será construído sobre a Anhanguera”, afirmou o prefeito Bigardi.

Com três faixas para veículos, o trecho de 600 metros recebeu pavimentação, drenagem, calçadas, guias, sarjetas, instalação de postes, rede de energia elétrica, sinalização de trânsito e paisagismo. Um dos diferenciais é a instalação da ciclovia, concretada em pigmento vermelho. A obra foi executada por meio de contrapartida de Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV). O custo foi de R$ 1,6 milhão, incluindo a pavimentação da avenida Jacyro Martinasso e sinalização na rua do Retiro.

A Prefeitura prepara a continuidade da obra, que inclui o outro lado do córrego e extensão até a marginal do supermercado Carrefour. “O projeto está pronto e licenciado, o custo é de R$ 9 milhões e já previsto no orçamento do ano que vem”, diz o prefeito.

Bigardi destacou o empenho da Prefeitura nas obras do Complexo Jundiaí. “Fizemos todas as desapropriações, vamos fazer as marginais locais, além deste trecho que estamos entregando. Se não fosse o empenho da prefeitura, as obras do Complexo Jundiaí não teriam começado.”

Representando a Câmara Municipal, o vereador Gerson Sartori ressaltou que a obra é uma das contrapartidas que o município ofereceu para as obras do Complexo Viário Jundiaí. “Esta é mais uma ação do prefeito no compromisso de promover mudanças e avanços na mobilidade urbana de nossa cidade”.

As obras do Complexo Viário Jundiaí tiveram início no dia 20 de abril, no final da avenida Nove de Julho, próximo ao terminal rodoviário. O projeto conta com três alças de acesso sobre a Rodovia Anhanguera, duas na continuação da avenida Nove de Julho (uma para quem chega do sentido Campinas e outra para quem sai sentido São Paulo) e outra que vai ligar a avenida Osmundo dos Santos Pellegrini ao córrego da Walkíria.

O Complexo Jundiaí vai ser executado em duas fases. A primeira envolve as alças que vão dar acesso pela Avenida Nove de Julho, no trecho da rodoviária. Já a segunda fase prevê a construção do Viaduto da Walkíria, além das construções de marginais. Todo o complexo tem prazo estipulado em 21 meses para ser entregue, com custo total em torno de R$ 204 milhões, pagos com recursos dos pedágios. A obra vai beneficiar ao menos 420 mil pessoas todos os dias.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Dona de casa evangélica invade igreja católica e quebra quadros e imagens de santos

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Connect