Networking. Você entende a importância de nutrir o seu?

Como podemos nos preparar para o futuro? Nesse mundo tão competitivo, basta estudarmos numa boa faculdade ou complementarmos com a pós graduação da moda para termos sucesso? Somente formação e capacidade técnica realmente nos garantirão o sucesso? Se você não ter certeza de nada disso, te convido a olhar para a sua capacidade de fazer networking.

É fato que pessoas agradáveis tem mais chance de sucesso na vida, pois elas são ajudadas. Se além de agradável, essa pessoa for confiável, então mais um ponto para ela. E se ela tiver uma boa capacidade de conectar seus contatos estrategicamente, isso superará qualquer diploma. O que chamamos hoje de network já existe faz muitos anos, mas as novas ferramentas estão substituindo as antigas e facilitando as conexões. Pena que muita gente não se deu conta.

Publicidade

Vejo muitos colegas escrevendo besteiras em redes sociais e ganhando fama de chatos, negativos, ranzinzas ou de coitadinhos. Vejo pessoas perdendo amigos devido a sua posição política. Vejo gente estressada “fazendo a limpa no Facebook” sem pensar que contatos e relacionamentos podem fazer falta depois. Justificam que preferem ter “poucos amigos, contanto que sejam bons”, mas eu pergunto porque não podem ser muitos amigos? Por que não podem ter contatos, simplesmente contatos, em suas redes sociais?

Em outros casos vejo gente com 5.000 conexões em sua rede (rede em inglês é net ), mas sem saberem trabalhar essas conexões. Ou seja, tem a net, mas não tem o work. Não fazem suas redes trabalharem por eles. A consequência disso é que suas páginas se tornam apenas um álbum de fotos de passeios e pensamentos fúteis.

Precisamos fazer nossas redes valerem. Precisamos vender nossas imagens, transformar essas imagens em reputação, afinal há muitos casos em que o profissional tem uma enorme capacidade técnica, é um verdadeiro gênio, mas fica esperando ser descoberto por alguém. É preciso saber se vender.

Publicidade

Há casos em que vale mais a pena um prejuízo financeiro do que a reputação arranhada. As pessoas gostam de fazer negócios com quem não dá bola fora com seus clientes e uma prova disso é o sucesso do site “reclame aqui”. Além disso, se vamos comprar, preferimos comprar de pessoas indicadas por amigos, pois sabemos que um eventual serviço mal prestado irá custar caro em propaganda negativa para o mal profissional, principalmente se aquele que o indicou estiver a um clique no WhatsApp do cliente insatisfeito.

O networking tem tudo para te fazer bem, mas também pode te fazer muito mal, igual as mais variadas comidas, que por mais gostosas que sejam, podem te alimentar ou envenenar. Então preste muita atenção na maneira que você está nutrindo a sua rede de relacionamento.

Publicidade

Siga

176,789FãsCurtir
6,743SeguidoresSeguir
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Não Perca

Projetada nova linha intermunicipal de transporte público entre Itupeva e Jundiaí

Atendendo a uma demanda antiga, iniciada pelo Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) de Itupeva, em benefício dos usuários do transporte público intermunicipal,...

Bolsonaro diz que Brasil foi um dos países que melhor enfrentou a pandemia

Mesmo no exato momento em que o Brasil registra mais de 116 mil mortes pela Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro afirmou na...

Miss Jundiaí faz campanha para ajudar famílias em vulnerabilidade social

Com a chegada da pandemia de Covid-19 em março deste ano, a estudante de psicologia Daniele Daros, de 22 anos, não pode...

Com mais de 10 dias sem mortes por Covid-19, Jarinu e Cabreúva registram queda de óbitos

As cidades de Jarinu e Cabreúva têm registrado queda significativa no número de novos casos de Covid-19 e, principalmente, no de óbitos...

Jundiaí tem mais de 90% do infectados pela Covid-19 recuperados da doença

Segundo o painel de monitoramento do coronavírus da Prefeitura de Jundiaí, dos 9.940 casos confirmados de Covid-19 na cidade, até quarta-feira (26),...
PUBLICIDADE