Siga nos
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Jundiaí

Jundiaí se destaca no ciclismo nacional

Atualmente a cidade de Jundiaí conta com três ciclistas profissionais que vêm se destacando no cenário nacional. Luciano “Portuga”, Eduardo Silva e Pedro Leme participam de competições pelo mundo todo e, consequentemente, ganham o merecido reconhecimento.

“Comecei a carreira profissional no ano de 1993 em Jundiaí e graças ao ciclismo eu pude morar em lugares como Portugal e Espanha antes de voltar para Jundiaí”, afirma Luciano.

Luciano já pedala a mais de 25 anos, mas não abandona os treinos diários de forma alguma. “Treino todos os dias pela manhã, sem exceção. A última prova de maior importância que participei foi uma maratona disputada na Bélgica, em setembro do ano passado”, conta.

Neste fim de semana Luciano está disputando o Circuito Boa Vista, realizado em Joinville. “É a primeira prova do ano daquelas que são válidas para definir posições no ranking brasileiro de ciclismo e eu espero fazer uma competição boa para sair na frente logo na primeira etapa”. Ressalta o ciclista.

Eduardo Silva, 27 anos, também é destaque para Jundiaí. No ano passo participou do Brasil Ride Warm Up, uma maratona com duração de três dias. “No primeiro dia são 11 km apenas pra ver quem larga na frente. No segundo dia são 80,3 km e no terceiro dia são 107 km”, explica.

Eduardo revela que para participar de uma competição como esta, é necessário atingir o limite do corpo, ou seja, ir ao máximo de sua resistência. Ele ainda afirma que é uma prova de superação e sofrimento. Eduardo se lesionou oito dias antes da prova, mas participou mesmo assim.

O objetivo de Eduardo para este ano é participar de novo da competição, mas agora sem estar lesionado. “Estou treinando muito para estar bem fisicamente e 200% com a cabeça no lugar. Depois dessa ultra maratona o objetivo é disputar as que duram cinco ou sete dias”. Afirmou ele.

E a promessa mais jovem do ciclismo é Pedro Leme, de 17 anos. O jovem conheceu o esporte aos 10 anos através de seu avô e desde então nunca mais parou de dar as pedaladas. “No começo da minha carreira contei muito com o apoio do Luciano Portuga, que é profissional há anos e me passou muita experiência quando corríamos juntos pela equipe de Jundiaí, em 2016″. Explicou Pedro.

Aos 16 anos mudou para Santa Catarina para morar com outros oito atletas que formavam a equipe e representavam o estado. “Focamos na modalidade ‘contra-relógio’ e com muito esforço, mais de 20 horas pedaladas por semana nos treinos, consegui a medalha de bronze no Circuito Nacional”, conta Pedro.

“Hoje voltei para o time Jundiaí e vamos em busca de realizar uma boa temporada e quem sabe com o ouro no campeonato nacional”.

Clique para comentár

Nos escreva

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

iFood começa a testar entrega de refeições com drones

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Conectar