Siga nos
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Geral

Garoto de sete anos é algemado e detido nos EUA após agredir professora

O caso aconteceu na ultima quinta-feira (11) em Miami, na Flórida, segundo a rede de notícias americana CBS News. A professora teria pedido ao menino que parasse de brincar com a própria comida. O aluno se recusou a obedecê-la, foi tirado da cantina onde estava e agrediu a professora até que os dois caíssem no chão.

O menino foi detido e levado até o Hospital Infantil de Miami. As autoridades justificam que ele teria sido enquadrado na lei “Florida Mental Health Act”, que sugere que a criança tem problemas mentais que representam um perigo para ela mesma e outras pessoas.

Em entrevista, a mãe do estudante, Mercy Alvarez, negou que o filho tivesse qualquer problema mental e chamou a atitude de “abuso policial”. “Se meu filho não estava mais agressivo quando chegamos, como eles dizem que ele estava, por que tomar medidas tão extremas? Isso é demais para um garoto da idade dele. Não pode ser um procedimento normal”. Afirmou a mãe.

Já o pai, concordou com os funcionários da escola que o menino deveria passar por avaliação psicológica.

Diversos funcionários e estudantes testemunharam a agressão, que também ficou registrada pelas câmeras do local. Essa não é a primeira vez que o menino se envolve em problemas. Em novembro, ele foi detido por agredir funcionários e colegas da escola, além de ser agressivo com a policial que o deteve.

Clique para comentár

Nos escreva

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Dona de casa evangélica invade igreja católica e quebra quadros e imagens de santos

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Conectar