Connect with us
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Geral

Defesa de Lula diz que ele é idoso e pede prioridade em julgamento de suspeição de Moro

A partir da suspeição do ex-juiz e atual ministro da Justiça Sergio Moro, a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF), prioridade em seu julgamento nesta segunda-feira (24).

O pedido de liberdade, apresentado em 2018, é um habeas corpus em que a defesa de Lula aponta a suspeição de Moro e questiona a atuação dele no processo em que o ex-presidente foi condenado.

O habeas corpus estava na pauta de julgamento da Segunda Turma do Tribunal nesta terça-feira (25), mas foi retirado da programação. A presidente do colegiado, que comanda a pauta da Turma, é a ministra Cármen Lúcia.

Em pedido apresentado ao STF no início desta tarde, a defesa de Lula solicitou que o pedido de liberdade do ex-presidente seja julgado à frente dos demais processos em pauta.

Os advogados de Lula ainda alegam que ele é idoso e que está preso ha 443 dias. Os advogados citam um dispositivo do regimento interno do STF que diz que os processos que já começaram a ser julgados devem ter preferência.

O caso de Lula começou a ser julgado ainda no ano passado, e dois ministros da Segunda Turma já votaram contra conceder a liberdade do ex-presidente: Luiz Edson Fachin e Cármen Lúcia.

Como o pedido da defesa é endereçado à presidente da Segunda Turma, Cármen Lúcia, caberá a ela a decisão de incluir novamente o habeas corpus de Lula na pauta do colegiado.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Dona de casa evangélica invade igreja católica e quebra quadros e imagens de santos

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Connect