Atriz, escritora e roteirista Fernanda Young morre aos 49 anos

A atriz, escritora, roteirista e apresentadora de TV Fernanda Young, de 49 anos, morreu na madrugada do ultimo domingo (25). A autora de séries de sucesso, como “Os Normais”, “Minha Nada Mole Vida”, “Os Aspones” e “Shippados”, teve uma crise de asma seguida de parada cardíaca. O corpo foi velado em São Paulo e o enterro foi no Cemitério de Congonhas, na Zona Sul da capital.

A atriz estava no sítio da família em Gonçalves (MG), quando passou mal. Ela tinha asma desde a infância. Fernanda foi levada de ambulância para um hospital da cidade vizinha, Paraisópolis. A equipe médica tentou reanimá-la, mas ela não resistiu. Segundo o Hospital Frei Caetano, de Paraisópolis, ela foi atendida por volta da 1h45 e morreu às 2h53.

Publicidade

A artista deixa o marido, Alexandre Machado, e quatro filhos: as gêmeas Cecília Maddona e Estela May, de 19 anos; Catarina Lakshimi, de 10 anos; e John Gopala, também de 10 anos.

Nova série:

Fernanda estava se preparando para a estreia de sua nova série, “Ainda Nada de Novo”, em São Paulo. Ela contracenaria com sua xará, Fernanda Nobre. A estreia seria em 12 de setembro. A colega disse que a última vez em que falou com Fernanda Young foi na sexta-feira (23).

Segundo ela, Fernanda Young “já estava estava com a malinha para ir para o sítio e disse que ia relaxar no fim de semana para se preparar para a peça”. A atriz e escritora levou os textos para repassar no fim de semana (em sua penúltima foto no Instagram, ela aparece no sítio com os textos ao lado). As colegas iam se reencontrar na próxima segunda-feira (26).

Carreira de sucesso:

Publicidade

Editora de diversos livros de Fernanda Young, Leila Name disse que, em novembro, será publicado um livro inédito escrito por ela aos 17 anos, e que recentemente localizou os textos referentes. Ela também estava se dedicando a outra obra, mais extensa, intitulada “O Livro”, que reconta situações reais por meio da ficção. Essa obra fica inacabada.

Funcionária da TV Globo, seu trabalho mais recente na televisão foi a série original “Shippados”, lançada pela Globoplay e estrelada por Tatá Werneck, Eduardo Sterblitch e Clarice Falcão.

A obra mais famosa de Fernanda foi a série “Os Normais”, comédia estrelada por Fernanda Torres e Luiz Fernando Guimarães. Foi exibida na TV Globo entre 2001 e 2003. A série deu origem a dois filmes, um de 2003 e outro de 2009, também escritos por Fernanda Young e outros roteiristas.

Fernanda foi indicada duas vezes ao prêmio de Melhor Comédia do Emmy Internacional, por “Separação?!” e “Como Aproveitar o Fim do Mundo”.

Young também é autora de ao menos 14 livros, entre eles, “Pos-F”, “Estragos” e “A mão esquerda de Vênus”.

Publicidade

Siga

168,598FãsCurtir
6,743SeguidoresSeguir
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Não Perca

Projetada nova linha intermunicipal de transporte público entre Itupeva e Jundiaí

Atendendo a uma demanda antiga, iniciada pelo Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) de Itupeva, em benefício dos usuários do transporte público intermunicipal,...

Bolsonaro diz que Brasil foi um dos países que melhor enfrentou a pandemia

Mesmo no exato momento em que o Brasil registra mais de 116 mil mortes pela Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro afirmou na...

Miss Jundiaí faz campanha para ajudar famílias em vulnerabilidade social

Com a chegada da pandemia de Covid-19 em março deste ano, a estudante de psicologia Daniele Daros, de 22 anos, não pode...

Com mais de 10 dias sem mortes por Covid-19, Jarinu e Cabreúva registram queda de óbitos

As cidades de Jarinu e Cabreúva têm registrado queda significativa no número de novos casos de Covid-19 e, principalmente, no de óbitos...

Jundiaí tem mais de 90% do infectados pela Covid-19 recuperados da doença

Segundo o painel de monitoramento do coronavírus da Prefeitura de Jundiaí, dos 9.940 casos confirmados de Covid-19 na cidade, até quarta-feira (26),...
PUBLICIDADE