Cresce em 50% denúncias de trabalho escravo em SP

Em 2019 as denúncias por trabalho escravo tiveram alta de 50% em São Paulo, segundo um levantamento feito pelo Ministério Público do Trabalho nas regiões que abrangem capital, Grande ABC e baixada Santista.

Foram 150 denúncias, o que levou a superar registros dos últimos cinco anos. Já o número de TACs (Termos de Ajustamento de Conduta) caiu de 27 para 24. O setores de maior incidência são os mesmos de sempre: indústria têxtil, confecções e construção civil.

Publicidade

Já em relação a quantidade de denúncias em todo o Brasil, o número subiu de 1127 para 1213 nos últimos dois anos.

De acordo com o MPT, nesta terça-feira (28) será divulgado o dia do trabalho escravo.

Publicidade

Siga

168,599FãsCurtir
6,743SeguidoresSeguir
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Não Perca

Projetada nova linha intermunicipal de transporte público entre Itupeva e Jundiaí

Atendendo a uma demanda antiga, iniciada pelo Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) de Itupeva, em benefício dos usuários do transporte público intermunicipal,...

Bolsonaro diz que Brasil foi um dos países que melhor enfrentou a pandemia

Mesmo no exato momento em que o Brasil registra mais de 116 mil mortes pela Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro afirmou na...

Miss Jundiaí faz campanha para ajudar famílias em vulnerabilidade social

Com a chegada da pandemia de Covid-19 em março deste ano, a estudante de psicologia Daniele Daros, de 22 anos, não pode...

Com mais de 10 dias sem mortes por Covid-19, Jarinu e Cabreúva registram queda de óbitos

As cidades de Jarinu e Cabreúva têm registrado queda significativa no número de novos casos de Covid-19 e, principalmente, no de óbitos...

Jundiaí tem mais de 90% do infectados pela Covid-19 recuperados da doença

Segundo o painel de monitoramento do coronavírus da Prefeitura de Jundiaí, dos 9.940 casos confirmados de Covid-19 na cidade, até quarta-feira (26),...
PUBLICIDADE