Siga nos
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Galdino Mesquita

General combate ONGs pilantrópicas

Ministro de Bolsonaro, o general Heleno declarou guerra às ONGs lesa-pátria/fajutas/esquerdistas. Ele vem alertando isso desde os governos PT.  “Milhares de ONGs (Organizações Não Governamentais) internacionais estão na Amazônia ‘defendendo índios’. Mas índios que falam inglês estão morrendo de doenças trazidas pelos brancos. Da Cabeça do Cachorro, Roraima até a Venezuela – área do tamanho da velha Europa – índios se tornam alcóolatras ou morrem assistidos por estas ONGs, que aterrissam e decolam seus aviões em milhares de aldeias”. A política esquerdista conseguiu declarar a Amazônia “nação internacional indígena” e só falta a ONU decretar independência para termos um novo país separado do Brasil e com as maiores jazidas de minérios nobres no mundo. Lá tem mais de cem mil ONGs, inclusive a controlada pela família de Chico Mendes.

Em julho de 2018, o Ipea (Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas) – ligado ao Governo Federal – divulgou estudo sobre o número de Organizações da Sociedade Civil existentes no Brasil. Segundo a pesquisa, o Brasil fechou o ano de 2017 com 820 mil ONGs. Dados de 2015: Índios da Amazônia eram 230 mil e não são desnutridos, têm muita água e remédios da mata. ONGs estrangeiras infiltradas eram 100 mil. Ou seja, há tantas ONGs estrangeiras indigenistas e ambientalistas na Amazônia quanto na África. Em 2015, havia 136.453 organizações não-governamentais registradas na África do Sul.

SEM GRANA, SEM DIREITOS

Por que NÃO há ONGs internacionais no nordeste brasileiro? Dados de 2015: Vítimas da seca no nordeste chegam a 10 milhões. Seca, fome, sede, desemprego, doenças etc. A Amazônia tem ouro, nióbio, petróleo, as maiores jazidas de manganês e ferro do mundo, diamantes, esmeraldas, rubis, cobre, zinco, prata, a maior biodiversidade do planeta (geram grandes lucros aos laboratórios estrangeiros) e outras riquezas que podem somar 14 trilhões de dólares. Isabel Clemente, da revista Época, informou: “A explosão do terceiro setor criou outro tipo de ONG: a dos aproveitadores que, na falta de fiscalização, desviam recursos públicos e enriquecem ‘humanistas’ e políticos”.

A Veja em  29/10/2011 informou: Foi durante o governo Lula que as parcerias com essas organizações se multiplicaram. Como o próprio critério de ONG é amplo, abarcando qualquer entidade sem fins lucrativos e independente do poder público, separar o joio do trigo se torna uma tarefa difícil. Na lógica da corrupção, contratar uma ONG é mais fácil do que realizar uma licitação para uma empresa que realiza um serviço. Em 2004, VEJA mostrou o caso Ágora: uma entidade que desviou 900 mil reais dos cofres públicos graças à falta de controle. Dinheiro que deveria ser aplicado em qualificação profissional sumiu  num esquema de notas fiscais falsas.

Filha de Lula 13, Lurian da Rede 13, some com 7,5 milhões. Conforme publicou em 2/9/2006, o Jornal do Brasil:  “… um dos cabeças da operação envolvendo a compra de dossiês contra tucanos, o churrasqueiro Lorenzetti atuou, a pedido de Lula, como uma espécie de tutor de Lurian. Segundo investigação da CPI dos Bingos, até então guardada a sete chaves, Lorenzetti foi encarregado de equacionar dívidas da filha de Lula – de cabeleireiros, casas de festas, lojas de roupas a condomínios – momentos antes da extinção da ONG gerenciada por ela no segundo semestre de 2003.”

Leia mais em: Lurian, filha de Lula, nega que era dona da ONG Rede 13… Escândalo das ONGs, que envolve filha de Lula, volta a ser lembrado…

http://www.psdb.org.br/acompanhe/noticias/a-historia-mal-contada-da-ong-de- lurian

Chico Mendes ensinou bem a família

O Poder Judiciário do Acre condenou Elenira Mendes e Ilzamar Mendes, filha e viúva de Chico Mendes, respectivamente, por improbidade administrativa e desvio de verbas do Instituto Chico Mendes. Davi Marques Cunha, marido de Elenira, também foi condenado.  Veja mais em   http://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2014/10/familia-de-chico-mendes-e-condenada-por-desviar-verba-de-instituto

1 Comment

1 Comment

  1. anicia santana

    1 de março de 2019 at 21:16

    ONGs fajutas se vê por aqui.

Nos escreva

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

iFood começa a testar entrega de refeições com drones

Geral

Vigilância Sanitária multa Vencedor da Ponte São João

Jundiaí

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Conectar