Connect with us
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Geral

‘Não tem que ter pena’, diz Jair Bolsonaro sobre atirador de elite em sequestro de ônibus

Na manhã desta terça-feira (20) o presidente Jair Bolsonaro afirmou para jornalistas que “não tem que ter pena” quanto ao uso de atiradores de elite em ações policiais. Bolsonaro se referiu ao sequestro de um ônibus na Ponte Rio-Niterói nesta terça-feira.

O presidente relembrou o sequestro do ônibus 174, no dia 12 de junho de 2000, no Jardim Botânico, Zona Sul da cidade, quando uma vítima morreu durante a ação policial. Na ocasião, segundo o presidente, não houve o uso de atirador de elite pela Polícia Militar do Rio de Janeiro.

“Não foi usado sniper. O que aconteceu? Morreu uma pessoa inocente, e depois esse vagabundo morreu no camburão. Os policiais do camburão foram submetidos a júri popular. Foram absolvidos por 4 a 3. Quase você condena dois policiais, condena a 30 anos de cadeia. Não tem que ter pena”, afirmou Bolsonaro.

Em seu perfil no Twitter, Bolsonaro deu parabéns aos policiais do Rio “pela ação bem sucedida que pôs fim ao sequestro do ônibus na ponte Rio-Niterói nesta manhã”. O presidente frisou que o criminoso foi “neutralizado e nenhum refém ferido. Hoje não chora a família de um inocente”.

Após três horas e meia de cerco policial, o sequestro do ônibus nesta terça acabou com o criminoso baleado por um atirador de elite. No veículo haviam 27 reféns. Após ser baleado o criminoso foi encaminhado para o hospital mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Dona de casa evangélica invade igreja católica e quebra quadros e imagens de santos

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Connect