Connect with us
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({ google_ad_client: "ca-pub-2913080483495928", enable_page_level_ads: true });

Geral

Estudante é premiada após criar absorvente para moradora de rua

A universitária curitibana Rafaella de Bona Gonçalves acaba de conquistar uma das mais importantes premiações internacionais de design com o projeto de um absorvente interno sustentável para mulheres em situação de rua. A proposta é produzir o absorvente a partir de fibra de banana.

“É o melhor prêmio de designe que existe. Uma das coisas que mais me motivou foi dar visibilidade ao tema do projeto. Só as pessoas pararem para pensar sobre o assunto já é muito bom. É gratificante”, afirmou.

O projeto de Rafaella foi o único brasileiro que recebeu o prêmio alemão “iF Design Talent Award”, na edição deste ano, segundo o Centro Brasil Design, que é o escritório de representação no Brasil.

Com 22 anos, Rafaella é aluna do 3º ano de design de produto da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Paralelamente, decidiu cursar especialização em design voltado para soluções de impacto para o futuro.

No caso, o “Maria – absorvente íntimo” foi o trabalho de conclusão do curso, apresentado em julho. O objetivo era pensar em projetos para acabar com a pobreza.

‘Maria – absorvente íntimo’

Desenvolvido em quatro meses, o projeto consiste em um absorvente interno que se adapta às condições das moradoras de rua. Rafaella o define como “prático higiênico e universal”.

O absorvente é produzido com fibra de banana, que é um material biodegradável. A proposta de Rafaella é que o absorvente seja distribuído pelo governo.

Neste sentido, a estudante tem reunião marcada com o prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PMN), para apresentar o projeto ainda em outubro.

Rafaella fez uma pesquisa e encontrou uma empresa que faz absorvente com fibra de banana na Índia. “Lá, a pobreza menstrual é um problema grande, por questões financeiras, culturais e religiosas”, disse.

O absorvente projetado por Rafaella é um rolo. Para usá-lo, a mulher retira um pedaço do rolo de acordo com o fluxo e a necessidade.

Então, desdobra-se a aba que, após o uso, vai auxiliar a retirar o absorvente. Depois de desdobrar a aba, o pedaço do rolo é enrolado e fica pronto para ser usado.

“Com um rolo, pode fazer absorvente para três ciclos de sete dias”, afirmou.

Por enquanto, o “Maria – absorvente íntimo” é um projeto. Rafaella ainda não tem previsão de quando o protótipo ficará pronto, nem uma expectativa de quanto seria o custo de um rolo. “Ainda não tenho ideia, dependeria da escala que o produto atingisse”, explicou.

Rafaella já fez testes do formato do absorvente, mas usando outro tipo de material, um tecido, para verificar a eficácia do produto. Ela acredita no êxito do projeto porque, além do teste com o formato ter sido positivo, a fibra de banana já é usada para a funcionalidade proposta pela jovem.

O prêmio

O prêmio alemão “iF Design Talent Award” teve 192 projetos inscritos em 2019, segundo o Centro Brasil Design.

Ao todo, 91 projetos foram premiados. Dos 13 projetos brasileiros inscritos, o da Rafella foi o único premiado.

A universitária concorreu na categoria estudante, que tinha como tema um dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). Todos os anos, o iF Design Talent Award tem temas específicos.

O tema escolhido por Rafaella é o primeiro da lista dos 17 ODS: “acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares”.

“Na categoria estudante, foram cerca de quatro mil projetos inscritos. Cinquenta e dois foram selecionados, e eu era a única brasileira” contou.

Rafaella ficou sabendo no dia 20 de setembro que levou o prêmio: “Não caiu a ficha, parecia surreal”.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Momo aparece em vídeos de slime do YouTube Kids e ensina as crianças a se suicidarem

Geral

Dona de casa evangélica invade igreja católica e quebra quadros e imagens de santos

Geral

Bombeiros quebram vidros de carro estacionado em frente a hidrante para passar mangueira

Geral

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Geral

© 2019 Cruz de Malta Editores Associados | Novo Dia Notícias: Auditado pela Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo - ADJORI/SP. Filiado à Associação Nacional de Jornais - ANJ
Atibaia, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Francisco Morato, Franco da Rocha, Indaiatuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Salto, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo

Connect